sábado, 16 de outubro de 2021

Outra vez à rasca!

 


O Benfica está outra vez a deixar-me ficar mal!

A jogar com uma equipa do 3º escalão, chega ao fim dos 90 minutos empatado a 1 bola. Resultado, mas 30 minutos a cansar os rapazes que a meio sa próxima semana têm que enfrentar os bávaros do Bayern.

Enquanto escrevia estas linhas, o André Almeida foi por ali fora e meteu um golo. Espero que marquem mais um ou dois que isto, além de ser uma vergonha, é um sufoco que mantém a equipa em tensão que só a prejudica.

Com o JJ é assim, ele não entra com tudo e depois vê-se à rasca para sair do aperto. Só me faltava que o Glorioso fosse posto fora de combate logo no primeiro jogo da prova! Devo dizer que os atletas do Trofense têm-se batido bem e não viram a cara á luta. Cansados e cheios de cãibras continuar a dar o corpo ao manifesto e a fazer a vida negra ao Benfica. Nada de pôr o autocarro em frente à baliza e esperar que o relógio engula o tempo de jogo, eles têm jogado abertos e saído em contra-ataque mais que uma vez.

Está a chegar ao fim da primeira parte do prolongamento. Vamos tomar fôlego, respirar fundo e ver o que nos traz a segunda parte. Vou dar uma espreitadela ao Facebook e já cá volto para acabar a reportagem.

Ora bem, já acabou e foi um alívio para mim e muita gente mais. Não houve mais golos, o que quer dizer que fomos salvos pelo golo do André Almeida, o goleador inesperado. O Benfica continua na prova e se jogar assim contra o Bayern vai levar poucas, ai vai vai!!!

sexta-feira, 15 de outubro de 2021

ENGARRAFAMENTO !

Significant delays at the UK’s biggest container port pose a threat to the Christmas shopping season as retailers struggle to bring goods into the country.
Shoppers have been warned to buy their goods for the holiday season in a “timely fashion” or run the risk of finding items missing from shelves.
Atrasos significativos no maior porto de contentores do Reino Unido representam uma ameaça para a temporada de compras de Natal, já que os retalhistas lutam para trazer produtos para o país.
Os compradores foram avisados ​​para comprar seus produtos para a temporada de férias em tempo “oportuno” ou correm o risco de encontrar itens faltando nas prateleiras.

Felixstowe, porto por onde passa cerca de
um terço do movimento de contentores


Os culpados pela situação são os "brexistas", quiseram sair da UE e criaram um problema de todo o tamanho que vai levar tempo - e custar muito dinheiro - para ser resolvido. E que vai depender da vontade de terceiros, pois não o poderão fazer sem importar mão-de-obra, coisa que eles quiseram, a todo o custo, evitar, com o Brexit. O Brexit era uma espécie de grito de liberdade dizendo, nós queremos ficar sós, não precisamos de ninguém. Mentira, hoje, neste mundo global, ninguém pode prescindir dos outros, pois de um ou outro modo está dependente deles.
Neste caso particular, mas que não é o único, é a falta de camionistas que está a embarrilar tudo, precisam de 5.000 para ontem, mas só os terão se voltarem atrás na sua decisão de dificultar a entrada (e residência) doa hipotéticos candidatos, para além de terem que lhe pagar salários muito mais altos do que aquilo que têm oferecido. Por mil libras mensais ninguém quer, só o dobro disso começará a fazê-los mostrar interesse.
O problema começou a tornar-se sério com a distribuição de combustíveis, agora tomou conta do porto de mar mais concorrido que não consegue movimentar os milhares de contentores que chegam dos quatro cantos do mundo. Para além do problema das mercadorias que podem ultrapassar os prazos de validade, já se começa a sentir falta delas nas prateleiras das lojas. E já se prevê uma catástrofe de todo o tamanho na época de Natal, seja por falta das mercadorias, ou pela corrida desordenada às compras, o que pode provocar um autêntico caos nos últimos dois meses do ano.
Aguenta, loiro burro, calçaste as botas e agora tens que caminhar com elas por muito que te aleijem nos calos!

quarta-feira, 13 de outubro de 2021

La manita!

 


No futebol quem tem um Ronaldo ... tem tudo!

E mais não digo que já vou a caminho do meu cardiologista para para fazer a inspecção periódica obrigatória (IPO)! Cada um que tire as suas próprias conclusões. Refiro-me ao futebol, claro!

O Ali Daei, lá nos confins do Irão, deve estar a questionar-se como foi possível aparecer um artista destes para lhe roubar o seu record! Ele parou nos 109, o Ronaldo já vai nos 115, mas ninguém sabe quando ele vai parar!

terça-feira, 12 de outubro de 2021

My name is SILVA!

 Assim como o outro dizia - Bond, James Bond!

As silvas invadem tudo, metem-se em todos os buracos, agarram-se a umas moléculas de poeira e humidade para lanças as suas raízes e sobrevivem nas condições mais adversas da natureza. São, assim, uma espécie de campeão da resiliência do mundo vegetal.


Como o nome silva passou a fazer parte do catálogo de apelidos usados em Portugal (mas não só), ninguém sabe explicar muito bem. No fim do século XV, quando começaram os registos paroquiais, percussores do actual Registo Civil, já havia Silvas por todo o lado. Eu li os livros da minha paróquia e lá apareciam eles a provar que já existiam antes dos livros. Conta-se que no Brasil, os missionários começaram a baptizar os indígenas e na falta de apelidos iam acrescentando Silva ao nome de baptismo, significando apenas que tinha vindo do mato (selva, do latim silva), fazendo desse apelido um dos mais comuns no Brasil.


Quando florescem, na Primavera, as silvas são a alegria de tudo que é insecto, mas principalmente das abelhas sugando o pólen que lhes serve de alimento. Um valado de silvas, na beira do caminho, transforma-se, assim, num autêntico jardim que dá gosto ver.


E quando as flores se transformam em frutos, também não falta quem lhe deite a mão e as coma ou leve para casa para confeccionar ricas sobremesas. Mas, cuidado, as silvas estão cheias de picos e não se deixam atacar sem retaliação, metes lá a mão, sem o necessário cuidado, e vens com ela a sangrar. Elas nascem nas paredes do meu quintal e tenho que as eliminar, duas ou três vezes por ano, senão apoderam-se de tudo e nunca mais lá consigo entrar. Com roupa e luvas à prova de picos (thornproof) para não vir de lá todo arranhado.

Andrea Silva - Patinagem artística

Mas nem só no reino vegetal há lindas silvas, também as há no reino animal e até no mundo desportivo. Só no futebol português, há silvas a dar com um pau - e todos bons - como o Bernardo, o André, o Rafa e outros de que não me lembro agora. E que me dizem desta bela catalã que encontrei nos jornais desportivos de hoje? Cada vez tenho mais orgulho no meu nome!

segunda-feira, 11 de outubro de 2021

A Formosa!

 É uma ilha e, por ser tão formosa, os chinocas não a largam por nada neste mundo!

Deve o nome aos portugueses que, encantados com o que viram, quando lá arribaram, a baptizaram com esse nome que mantém até hoje, embora os asiáticos teimem em chamar-lhe Taiwan (saberá Deus o que isso quer dizer).


Parece que o culpado da cisão que a separou da China foi este chinoca que vêem na imagem e que foi um grande político chinês do século passado. Quando o MAO apareceu e transformou a China no maior país comunista do mundo, ele viu-se obrigado a fugir para a Ilha Formosa e lá implantou o sistema político que vigora até hoje.

Até ao fim da II Grande Guerra, era o Japão que mandava naquela área e os chineses fartaram-se de levar porrada por conta disso. Com a derrota do Japão, aliado de Hitler contra o resto do mundo, os chineses puderam levantar a cabeça e têm vindo sempre a subir em poderio económico e até militar naquele canto do mundo. Na mudança de século acabaram as restrições às importações de produtos chineses e aí começou a subida (em flecha) do poderio económico chinês. Basta dizer que a China é o país que mais dinheiro empresta, enquanto os Estados Unidos são o que mais pede emprestado.

Ciente desse poder, a China de Xi Jimping exige a submissão da Formosa às leis do seu país, coisa de que «Os Formosos» nem querem ouvir falar. Os americanos vão repetindo que estão do seu lado e não se devem atemorizar com as ameaças da China, mas não imagino o que aconteceria se as Forças Armadas  chinesas decidissem invadir a ilha e tomar conta daquilo tudo. Tem-se visto, no mar e no ar, em volta da Formosa, uma crescente actividade militar.

Espero que ninguém se precipite e pensem bem nas consequências de uma nova guerra que poderia ser, outra vez, mundial!

domingo, 10 de outubro de 2021

A "Múmia" falou!

Considerando o contexto pandémico irrelevante na análise do empobrecimento relativo do país, o antigo chefe de Estado refere que “o vírus atinge igualmente os outros países da EU” com que Portugal se compara e que “não serve [...] de desculpa para os erros do Governo socialista”.
“O empobrecimento do país tem estado envolto, para descrédito da nossa democracia, numa penumbra de silenciamento. Para isso têm contribuído vários fatores. Desde logo, uma oposição política débil e sem rumo, desprovida de uma estratégia consistente de denúncia dos erros, omissões e atitudes eticamente reprováveis do Governo”, acusa.
Cavaco Silva escreve ainda que muitos portugueses “têm medo de criticar o Governo”, por receio de serem prejudicados na sua vida pessoal profissional ou empresarial, incluindo de familiares.



Eu não sou entendido em Economia, mas tenho boa memória. Quando o Cavaco foi Primeiro Ministro de Portugal (1985 - 1995) entraram em Portugal muitos milhões de contos, vindos da Europa para modernizar o nosso país. A Agricultura e Pescas foi o sector escolhido para aplicar as políticas de modernização que a Europa aconselhava. Talvez houvesse uma segunda intenção neste aconselhamento dos políticos que governavam a Europa, acabar com a concorrência, mas isso caberia ao governo de Portugal descobrir e deixar de seguir os conselhos no caso de se sentir prejudicado
Mas é difícil resistir a entradas de dinheiro (sem custos para o utilizador) e o governo liderado por Cavaco deu-as por bem vindas e começou a espalhar dinheiro pela Agricultura e pelos negócios do mar, arruinando os dois. No mar era oferecido dinheiro para abater os barcos e não pescar, em terra era dado dinheiro para matar vacas leiteiras (comprando os laticínios à Holanda e Dinamarca) e para plantar pomares, ou arrancá-los alguns anos depois.
Um conterrâneo meu tinha um grande terreno, em que cultivava milho ou erva para alimentar as vacas leiteiras que também criava. Aproveitando a promessa de um grande subsídio, plantou um pomar de macieiras que era um regalo ver. Ficava mesmo ao lado da casa de meus pais, de modo que todos os fins de semana eu assistia ao que ali se passava. Numa certa altura vi uma retro-escavadora a abrir buracos em série e perguntei qual era o projecto. Plantar macieiras que um governo oferece 250$00 por cada pé plantado. Alguns anos depois, talvez 5 ou 6, andava a retro-escavadora a arrancar todas as macieiras. Então, as maçãs já não são negócio? Não, o governo oferece 250$00 por cada uma que se arranque. Um ou dois anos mais tarde, estava esse terreno todo infra-estrutyradao para fazer uma grande urbanização. Com os bancos a puxar pelos negócios, emprestavam dinheiro ao construtor para levantar as casas e aos jovens portugueses para as comprar.
Nesse mesmo período, o Cavaco fez a maior revisão de carreiras e salários que alguma vez se viu na Função Pública. Um cunhado meu que era secretário de finanças e ganhava perto de 100 contos foi aumentado para mais de 300 e uns anos mais tarde, antes do ano 2000, mandaram-no para casa por ter ultrapassado os 55 anos de idade e haver outros à espera do lugar. Esse meu cunhado era o maior especialista em impostos que havia no Porto e continuou, durante muitos anos como consultor, ajudando os antigos colegas. E nunca encontrei um maior crítico das políticas de Cavaco que ele. Cada vez que nos encontrávamos e vinha à baila a Política, era certo ouvi-lo dizer - o Cavaco é um criminoso, deu cabo (não posso usar aqui a palavra usada) da Administração Pública toda.
Acho que todos os entendidos em Economia são da opinião que os fundos europeus foram "muito" mal aplicados e não resultaram em desenvolvimento algum. Agora parece um pouco estranho ele aparecer a falar do mesmo assunto, quando estão para chegar os milhões da bazuca. Será que ele ainda pretende que alguns dos seus amigos (da panelinha) sejam beneficiados? Não esquecer que o Oliveira e Costa do BPN foi ensinado por ele para nos roubar a todos. Em troca fez um bom negócio com as acções do BPN e ganhou uma moradia de luxo na Quinta da Coelha, para onde foi com a Maria gozar a reforma. Nós cá estamos para pagar o pato!

sábado, 9 de outubro de 2021

Malhar em ferro frio!

Não é a primeira vez que o chefe de Estado aborda o tema, visto que, em abril, já tinha pedido para serem encontrados meios para criminalizar o enriquecimento injustificado, e esta sexta-feira insistiu nesta necessidade.
"Todos somos poucos para duas tarefas urgentes.
Primeira: ir mais longe nas leis que abram caminho ao reforço da ética e da transparência na vida pública e previnam e punam enriquecimentos não lícitos", assinalou Marcelo, na abertura de uma conferência sobre responsabilização e democratização das instituições e prevenção da fraude, onde a procuradora-geral da República, Lucília Gago, também interveio.
Segunda: ir mais fundo nos meios humanos e outros de aplicação das leis, impedindo que nasça ou se acentue a ideia perigosa e inaceitável de que bem pode haver boas leis e julgadores atentos que os ricos e poderosos sempre escaparão a eles", frisou o Presidente da República, acrescentando que “a gestão dos fundos europeus com lisura legal e ética pode e dever ser um bom barómetro nesse combate”.



Na freguesia onde nasci, havia uma oficina de ferreiro que eu visitava, de vez em quando, e admirava como o dono da oficina malhava no ferro, levado ao rubro na forja, até ele tomar a forma que ele queria. Meia dúzia de boas marteladas e o ferro já estava frio, não obedecendo à sua vontade. Aí voltava para a forja, mergulhado em carvão de pedra incandescente, e daí para cima da bigorna para uma nova sessão de martelo.



Da forja para a bigorna e de volta para o fogo até o ferro tomara a forma pretendida pelo ferreiro. Não pude evitar pensar nisto, quando ouvi o Marcelo pronunciar estas palavras - que reproduzo acima - durante as notícias de ontem à noite. Ele tem muita razão e tem também a obrigação, como mais alto magistrado da nação portuguesa, de chamar os responsáveis à pedra, fazendo-lhes ver que andam, há muitos anos, a falar no assunto, mas nunca deram um passo em frente. Chamar o presidente do Parlamento e os líderes de cada partido e obrigá-los a apresentar a proposta de lei, discuti-la e aprová-la, com a máxima urgência.



Por mais que todos digam que isso de justiça para ricos e pobres não existe, a realidade prova exactamente o contrário. Enquanto houver dinheiro para manter os advogados a "chafurdar" nos processos, apresentando recurso atrás de recurso em todos os tribunais, até que a coisa esqueça ou o crime prescreva, os criminosos continuam a rir-se da Justiça. Os exemplos são aos montes.
De certa maneira, tem sido o PS a opor-se, sistematicamente, à aprovação desta lei. Lembro-me de João Cravinho, então ministro do governo de Guterres, a ter apresentado e, além de a proposta não ter passado, ainda perdeu o seu lugar no governo. Agora é o Costa que vai ao leme do PS, mas apostaria como ele vai fazer tudo por a lei ser recusada de novo. Há muita gente a chafurdar nas offshores e nunca se sabe quem aparecerá nos "papers", como os Panamá ou Pandora!
Assim é como malhar em ferro frio, não estica por mais que o martelem!

sexta-feira, 8 de outubro de 2021

Pay day!

 Não há patrão como o meu! Chega ao dia 8 e plim, plim, cai o dinheirinho na conta do banco!

Bem me dizia o meu paizinho, quando comecei à procura do primeiro emprego, arranja um emprego no Estado e tens a vida resolvida. Bom ordenado, abono para os filhos, reforma garantida, etc..

Mais tarde, já perto dos 18 anos, aconselhava-me a ir para a Marinha e depois concorrer para um lugar no Estado - sempre o Estado como destino - GNR, Caminhos de Ferro ou algo do género.

Ele próprio foi, sem querer, parar ao funcionalismo público. A maior vitória dele foi arranjar emprego na CHENOP, uma empresa de electricidade que foi nacionalizada, depois do 25 de Abril, e acabou anexada à EDP. E o que ele gozava, quando o mandaram ir para a reforma - ele que pensara sempre que trabalharia até morrer - com uma retribuição mensal que só em sonhos poderia esperar. Lembram-se quando foi estabelecido, no tempo do Vasco Gonçalves, que o salário mínimo teria que ser 3.300$00? Para ele que nunca ganhara 1.000$00 foi uma espécie de lotaria! E, no ano seguinte, o Mário Soares entra como primeiro ministro e para não ficar atrás do outro, pimba, 4.400$00 de salário mínimo. E, logo a seguir, início de 1977, o meu pai faz 65 anos e mandam-no para casa. Uma tristeza, porque sem trabalhar não sabia o que fazer e uma alegria, porque não sabia como gastar aquela maquia toda!

Eu também fui funcionário público, durante 3 anitos, desde que me promoveram a Marinheiro até abandonar a Marinha. Depois disso, só voltei a ser pago pelo Estado, depois de entrar na reforma. E por cá continuo, enquanto Deus quiser, sabendo que não falta quem queira que a gente bata a caçoleta para aliviar as despesas do Estado. O que me vale é que vozes de burro não chegam ao céu!

quinta-feira, 7 de outubro de 2021

O «Poder Corporativo»!

 


De facto são as corporações que mandam em Portugal e a Ordem dos Advogados é um ninho de cobras em que ninguém se atreve a mexer. E o senhor que vêem na imagem acima é o bastonário dessa corporação. Ai de quem mexa com ele!

Os advogados tomaram de assalto o nosso Parlamento - não me canso de o repetir - eles fazem as leis ao seu jeito e pagamos-lhes bem caro por esse trabalho. E depois de as fazerem como mais lhes convém, vão para os tribunais dar-lhe a volta que melhor serve os interesses daqueles que representam (refiro-me aos seus clientes e não a quem representam como deputados eleitos pelo povo)..

A fuga do J. Rendeiro motivou uma discussão que já é velha, o efeito suspensivo das penas em caso de ser interposto um recurso para um tribunal superior àquele que ditou a pena. Todos sabemos que os advogados usam esse estratagema para dilatar os prazos de aplicação de lei, até que o crime prescreva. O caso BPN foi um dos mais emblemáticos nesta matéria, o acusado acabou por morrer sem ver o julgamento terminado. A Operação Marquês para lá caminha, assim como os casos que envolvem Ricardo Salgado. Propor que o efeito suspensivo das penas seja retirado do Código do processo Penal roubaria aos advogados o maior trunfo que eles usam para prolongar os processos e irem sacando dinheiro aos seus (mais ricos) clientes. Já pensaram porque razão um pobre é condenado e nunca interpõe recurso? Pois é, não tem dinheiro para essa mordomia.

Ao ouvir falar na possibilidade de isso voltar a ser discutido no Parlamento, o Sr. Bastonário já veio avisar que é contra e que isso não vai resolver nada. Mas eu acho que resolvia e muito bem. Se um condenado em tribunal saísse dali directo para a prisão ou, em última análise, saísse dali com uma pulseira electrónica no tornozelo, outro galo cantaria. Aí o recurso já poderia demorar o tempo que advogados e juízes quisessem (não esquecer que eles estão feitos uns com os outros) e que o condenado não fugiria ao cumprimento da pena.

Grande cambada !!!

quarta-feira, 6 de outubro de 2021

O «Semáforo»!

 

Parece que os três - vermelho, verde e amarelo - estão em vias de se entender para formar uma coligação que governará a Alemanha nos próximos 4 anos. São os 3 partidos mais votados, além da CDU da Angela merkel, com quem ninguém quer coligar-se.

Verdes

FDP

SPD


Estes são os três líderes dos partidos em questão que, pese embora as diferenças que os separam, terão que unir-se que quiserem tomar conta do tacho. Dizem as más línguas que a Merkel deixou as finanças em mísero estado e é preciso pôr a coisa nos eixos. Com os refugiados da Síria e a pandemia Covid-19 não admira que as coisas tenham piorado nestes últimos anos de mandato da senhora que esteve à frente do partido perto de 20 anos..
O careca do SPD será o homem a tomar as rédeas da geringonça, uma vez que foi o seu partido a ganhar as eleições. Veremos se ele tem pulso para segurar as rédeas e manter os parceiros de coligação dentro daquilo que seja aceitável para a grande «Deutsche Vaterland». Eu estou a torcer por ele, pois com a Alemanha em alta toda a UE beneficia!

Em quem devo votar?

 


Este senhor é um dos benfiquistas mais ferrenhos que conheço. E não fala besteira, como dizem os brasileiros, quando abre a boca vale a pena ouvir.

Só uma coisa me preocupa, ele apoia o Rui Costa para presidente e eu tenho as maiores dúvidas sobre esse assunto. Vejo o Rui como uma mais valia nos órgãos dirigentes do Benfica, mas não como presidente do Glorioso. Outros benfiquistas do sete costados (como eu) pensam do mesmo modo e preferem arriscar no Benitez. Eu estou em desvantagem, pois do Benitez nunca ouvi falar, até ele apresentar a sua candidatura e votar nele só para não votar no Rui não me parece razão suficiente.

Dizem que um percebe muito de bola e o outro sabe apenas que ela é redonda e vai para onde a chutarem. E aí eu tenho uma opinião muito própria, o presidente não tem que saber nada de uma coisa nem de outra, tem apenas que ser um bom condutor de homens. Se ele se rodear de 3 vices que sejam especialistas nas 3 matérias principais, futebol, finanças e recursos humanos, o presidente manda e eles executam. Não precisa de falar com mais ninguém, nem dar corda aos comentadores que só metem areia na engrenagem.

Assim, eu estou no meio da ponte e, no próximo sábado, tenho que escolher um dos lados. Quem souber do assunto que me dê uma ajuda, pois eu quero o melhor para o Benfica e não sei onde encontrá-lo.

Viva o Benfica e que vença sempre os seu adversários!

terça-feira, 5 de outubro de 2021

A «Caixa de Pandora»!

O que os Pandora Papers mostram de novo é a facilidade com que encontramos responsáveis políticos como clientes e beneficiários destes esquemas, quando tinham a responsabilidade de os combater”, continua. “Mais do que qualquer discussão técnica ou jurídica, isso explica a razão porque tem sido tão difícil controlar e regular estes mecanismos de opacidade”, reforça, lamentando que se “capturem não só dirigentes políticos, mas Estados, para criar jurisdições com o único propósito de facilitar a fuga aos impostos nos países onde a riqueza é gerada e deveria estar a ser taxada. Ou para permitir a políticos corruptos, traficantes de droga, armas e seres humanos, branquear o seu dinheiro roubado.



Os sem-vergonha dos advogados, como todos aqueles que vemos a pulular no nosso Parlamento, enchem os próprios bolsos ao ajudar banqueiros desonestos, políticos e ladrões a esconder o seu dinheiro. Como se poderá resolver o problema se a Lei está aprisionada pelos corruptos? Se não vier algo que resolva o problema do lado da União Europeia, bem podemos esquecer o assunto, pois morreremos de velhos sem o ver resolvido.
Tenho a maior curiosidade em saber o que descobriram sobre o ex-presidente de Angola que conseguiu fazer da filha a mulher mais rica de África!

Dia 5 de Outubro de 1966!

 

Rossio - Lisboa

Dizem as notícias que foi um dia caótico com muita gente na rua e muitos acidentes, a repercutir-se nas urgências dos hospitais, completamente, entupidas. Um pouco a lembrar o que foi esse dia, em 1910!

Eu não vi nem senti nada, estava, sossegadamente, em Metangula, Niassa, Moçambique. Aquilo era outra guerra!

segunda-feira, 4 de outubro de 2021

O que dizem os críticos!

Como não vi o jogo nem quero dizer coisas que podem ser mal interpretadas, recorro àquilo que vai por esse mundo das redes sociais para deixar aqui umas palavras de descontentamento pelo que se passou ontem. Se alguém tem culpas no cartório é o treinador que não estudou a equipa adversária, não soube montar uma equipa para lhe fazer frente e falhou em toda a linha com as substituições que fez. E já falam em renovar com ele! Onde estão com a cabeça? mais vale convidar o Paulo Sérgio para o lugar!



Os asnos do ataque, nomeadamente o Darwin, acham que são o Messi e, na verdade, são umas marias amélias. A forma como o Rafa sozinho com o guarda-redes e com um colega ao lado de baliza aberta falha um golo cantado.
A trampa do treinador:
a) tira Gilberto para entrar Gil Dias (só nos cornos daquele gajo é que isto faz sentido!);
b) tira Grimaldo, passa Dias para a esquerda e faz entrar a nulidade Almeida para a direita (ou seja, a besta reconheceu que fez merda e, então, decidiu fazer merda ao quadrado fazendo entrar o bigodinho para perder bolas e fazer faltas);
c) tira Weigel e faz entrar Tarabat, um gajo que, juntamente com Pizzi, disputa o dtítulo de mais passes falhados;
d) a 3 minutos do fim faz entrar Everton e Ramos e tira o ucraniano para deixar ficar a amélia uruguaia que se acha um Messi.
Resumindo: os anos passam, o luzinhas já foi para o raio que o parta, temos aí o delfim e... nada muda. Mentalidade pequenina a que temos. Quando não podemos falhar, ora toma lá!
Mas cabe na cabeça de alguém vir embalado de uma vitória histórica contra o Barcelona e, antes da pausa para os amigos do Penaldo e do Santinhos, perder em causa quando poderíamos ficar com 4 pontos de vantagem? Cabe na cabeça de alguém, pá?

O jogo de hoje demonstrou que contra equipas organizadas, fisicamente fortes vai ser muito difícil ganhar. Quando quem arbitra é "alguém do grupo da máfia", os jogadores do Benfica entram em campo derrotados. Durante 18 anos "têm sido gozados e enxovalhados" por um grupo de árbitros, pertencentes a quem controla os resultados desportivos há mais de 40 anos, pelo que, quando aparece um árbitro destes os jogadores rendem menos de 50%. Se a tudo isto juntarmos as faltas de nível, categoria e inteligência que se sabe faltar ao anormal do treinador, é lógico que o rendimento da equipa cai a pique. As apostas dele falharam TODAS.
Que nível tem um treinador que pede a contratação de médios para ocuparem os lugares de laterais? Quem lhe permitiu que ordenasse ao "moço de recados" para se desfazer dos médios, para haver lugar garantido para o "messias" que ele treinou nos lagartos, e não lhe tivesse dito que só haveria dispensas se fosse contratado um trinco (posição 6) de nível? Agora não temos médios para a zona central do terreno, as duas "marias" já se viu que não dão conta do recado quando apanham jogadores possantes e que lutam, pelo que, os sistemas dos 5-4-1, 5-3-2, ou 5-2-3, vai trazer muitos desgostos aos sócios e adeptos.
Os técnicos adversários ficaram a perceber que na defesa não há velocidade, no meio campo dão pouca luta e a recuperação só funcio9na se pelo menos 2 dos jogadores mais adiantados andarem sempre a recuar para taparem os buracos. Para anular isto só é preciso ter as equipas bem estruturadas, com jogadores combativos na zona central do campo e pelo menos um jogador veloz no ataque. O anormal hoje "provou" do mesmo que fez na competição europeia. Jogadores pagos a peso de ouro mas que não têm um pingo de inteligência. Têm a desculpa de que fizeram tudo o que o anormal lhes pediu e se ele não sabe mais eles não são os culpados.

Estes resultados são completamente inadmissíveis! Não venham com as palermices que futebol é isto mesmo, porque não pode, nunca, o Benfica perder com o Portimonense, nem sequer em terreno alheio. Por isso mesmo é que nunca tal tinha acontecido, em toda a história do camoeonato!!!
O Benfica tem jogadores de MERDA, que se julgam Maradonas e que, por isso mesmo, passam o jogo armados em palermas, a fazer passes idiotas, não correm e não metem o pé, tombam à mais ligeira aragem, perdem bolas estúpidas e deixam os adversários em posições vantajosas e perigosas para a nossa baliza, finalizam invariavelmente mal... enfim, uma coisa absolutamente patética!
Com joão mários, rafas, darwines e yarenchuques, alguém pode ter legítimas aspirações a ser campeão de alguma coisa?

Não precisamos de descer às catacumbas com mais esta derrota, já lá vai o tempo em que o Benfica não perdia jogos em casa, pelo menos, para o campeonato, hoje isso tornou-se quase uma banalidade, ou é o Portimonense, ou é o Boavista, ou é o G.Vicente, ou é o Moreirense, para já não falar nos andrades.
Mas aos benfiquistas que incham com vitórias, são eles que vêm aqui dizer, inchem, como a que aconteceu com o Barcelona da actualidade e não vêem nem enxergam que esta equipa ainda está muito longe de nos dar "descanso", isto é, hoje com o Portimonense é para ganhar e assunto arrumado, ao menos que se interroguem, onde estão os Meités, os cebolinhas que nem ao menos servem ou nos dão garantias de que hoje podiam jogar e dar algum descanso aos titulares frente ao Barcelona.
Morato está lesionado? ou já não é tão bom como o andaram a pintar?
Então continuamos sem alternativa para o Grimaldo no lado esquerdo? Depois é improvisação atrás de improvisação? Sofremos mais um golo quando andamos a jogar com a defesa reforçada de 3 centrais?
Olhem bem para a equipa que temos, para o treinador que temos, para os lugares onde ainda não há alternativas e acalmem-se porque ainda vamos comer muito pão que o diabo amassou.
Motivos para incharem têm os adeptos do Sheriff, mas vão lá ver como se construiu aquele plantel e depois comparem com o que se faz no Benfica. E ninguém sabe quem é o responsável do scouting dos moldavos.
Já defrontámos na nossa Liga o Moreirense, Arouca, G.Vicente, Tondela, Santa Clara, Boavista, V.Guimarães e Portimonense. Falta defrontar - Vizela, Estoril, Sp.Braga, Belenenses, Sporting, Famalicão, Marítimo, Porto, P.Ferreira. Tenham calma, não inchem ainda, pois há muito para penar.

domingo, 3 de outubro de 2021

Conclusões!


 

O Benfica jogou, hoje, na Luz, e perdeu!

Primeira conclusão lógica:

- O Portimonense é melhor que o Benfica e até que o Barcelona!

Segunda conclusão lógica:

- Se o treinador do Portimonense consegue o que vimos hoje com os recursos que tem à sua disposição, o que conseguiria ele com os recursos que tem o treinador do Benfica?

Terceira conclusão (menos lógica) que não posso evitar referir:

- O Jorge Jesus não serve para treinador do meu clube e quem disser o contrário terá que me aturar até morrer! 

O sonho leva-nos onde quer!

 


Esta noite, mal dormida, sonhei (de novo) com o Niassa e a viagem de comboio que fiz, em 1966, para lá chegar. De Nacala até Nampula podia considerar-se terra pacífica e cheia de vida. De Nampula em diante era sempre a subir, rumo ao desconhecido. Tanto era a subir que algumas vezes tivemos que descer do comboio e empurrar para ele subir a ladeira. Um dos fogueiros descia do furgão da lenha com uma lata cheia de areia e ia despejando uns grãos da dita debaixo das rodas de ferro para provocar atrito e ganhar aderência. Uma epopeia a nunca esquecer.

Estação de Nova Freixo, a maior de todas naquele deserto, depois Belém, onde passamos a noite e a meio do dia seguinte já estávamos no Catur, estação terminal daquela linha que só em 1969 (mês de Maio) deixou de o ser com o prolongamento da linha até Vila Cabral. Eu já não vivi essa fase da história, pois nessa data já era civil e trabalhava para um daqueles empresários a quem o Salazar dava comendas por ajudarem a Nação a crescer. Entenda-se por dar emprego e matar a fome aos portugueses, coisa que o governo nunca foi capaz de fazer. 

Pois é, mas agora já estou acordado e não vejo comboio nenhum, o melhor é pôr-me a mexer que isto aqui não é vida. Bom domingo a todos que por aqui passarem!

sábado, 2 de outubro de 2021

Barracada total!


Os cromos desta história


Mas a trama que promete continuar a fazer correr tinta estala em Belém e, segundo o i apurou, com fortes movimentações para travar o processo.
Na calha para a sucessão a CEMA estavam, além do vice-almirante – cujo nome já era apontado ao cargo antes de Gouveia e Melo se ter tornado conhecido do país como coordenador da vacinação – o vice-almirante Luís Carlos de Sousa Pereira, nomeado em março chefe da Casa Militar, e o vice-almirante Jorge Novo Palma, atual vice do Chefe do Estado-Maior da Armada, que não gostaram de perceber esta terça-feira que a decisão estava tomada. Os três estão a pouco mais de um ano de passar à reserva, tendo antiguidade e mérito para subir na hierarquia e estando igualmente em cargos de relevo – embora mediaticamente menos visíveis que o coordenador da task-force.

O culpado da bronca


A guerra de cadeiras tem mais a ver com uma eventual promoção, antes de passar à reserva, do que com o amor ao cargo. Todos eles querem mais um galão, ou uma estrela, para usar nas platinas, mas a principal razão está no vencimento que poderão auferir depois de passar à reserva e que perdurará no tempo, até que a morte nos liberte da obrigação de o pagar.
O Gouveia e Melo fez um bom trabalho na Task Force? Talvez, mas para lhe dar um prémio não precisam de atropelar ninguém. É normal serem os vice-chefes a ocupar o lugar do chefe, quanto este sai. E quando a coisa não acontece assim, fica-se a olhar de canto para o intruso que lhe veio roubar a esperada promoção.
Dizem que a exoneração do actual CEMA vai mesmo avançar e terá que ser antes de Novembro, senão o almirante do fato camuflado irá para casa tomar conta dos netos e adeus estrela de almirante. Não sei em quanto lhe aumentarão o ordenado, mas talvez nem lhe faça tanta falta assim e passar por esta vergonha toda para ficar mais 3 anos no activo seria dispensável na sua folha de serviço. Se fosse comigo, ia já para casa e mandava-os f**** a todos!

quinta-feira, 30 de setembro de 2021

A Beira Alta que poucos conhecem!

 


Quem viaja de Coimbra para a Guarda pela Estrada da Beira pode virar à direita, antes de chegar a Oliveira do Hospital, indo parar a um buraco, na encosta da Serra da Estrela, por onde desliza o rio Alba. Debaixo da «Ponte das Três Entradas» passam o rio Alba e o rio Alvoco, razão que levou à construção da estranha ponte. Entrando pelo lado poente, vindo da povoação de Avô, pode tomar-se o caminho da serra, com destino às Pedras Lavradas e passando por Vide e Teixeira.

Passei por ali muitas vezes, a caminho da Covilhã, quando havia neve na serra e as autoestradas não tinham ainda sido inventadas. Do porto até Águeda, pela N1, dali até Mortágua e Santa Comba Dão, pelo meio da serra (da Pala) coberta de eucaliptos por todo o lado. Se bem me lembro, foi nessa estrada e por causa desses eucaliptos que morreu uma meia dúzia de bombeiros encurralados pelo fogo. De Santa Comba seguia por Tábua até Vendas de Galizes, atravessava a estrada da Beira e rumava a Avô e daí até à referida ponte. Depois era sempre a subir até às Pedras Lavradas, um lugar a meia altura da serra da Estrela de onde se podia virar à esquerda em direcção a Seia, ou à direita, em direcção ao Tortosendo e depois Covilhã, capital dos Lanifícios de Portugal.

Era um caminho difícil de fazer, tanto para o carro como para o condutor, mas o único possível, quando a estrada para a Guarda era cortada pela neve. Muitas vezes parei no Alto das Pedras Lavradas, de onde se avista quase toda a Beira Baixa, para respirar o ar puro, apreciar as vistas e sonhar com a prometida autoestrada que ligaria Coimbra ao Fundão e passaria ali perto. Logo que a construíssem eu teria a vida facilitada e poderia dizer adeus à ponte sobre o rio Alva que tinha 3 entradas, mas eu só usava duas.

A minha estrada de sonho para chegar depressa
ao outro lado da serra.

Entretanto, já se passaram mais de 30 anos, desde que ali passei pela última vez, mas a famosa autoestrada de Coimbra ao Fundão ainda não saiu do papel. A abertura da A25 - e antes dela do IP5 - veio resolver o problema da falta de acessos à Covilhã, quando havia nevões, e muito mais tarde a A23 que liga a Guarda ao Fundão, fechou o ciclo. Coimbra, Viseu, Guarda, Fundão faz-se em menos de 2 horas e deixou de haver justificação para contruir uma estrada pelo meio da serra que sairia caríssima aos cofres do estado e teria (mais uma vez) pouquíssimos utilizadores.

quarta-feira, 29 de setembro de 2021

Jesus está no céu!

 

Ninguém diria que o Glorioso daria 3 ao Barcelona!

O treinador do Benfica é um bocado (!!!!) vaidoso, ninguém o vai calar depois de ter ganho ao Barcelona. E não foi um resultado qualquer, foram 3 batatas sem resposta! Não sou um grande especialista na matéria, mas diria que desde os tempos do Eusébio (e dos restantes grandes jogadores que compunham a equipa) o Benfica não conseguia um tal resultado frente a um dos grandes da Europa. Todos sabemos que o Barcelona atravessa grandes dificuldades, mas mesmo assim é uma obra digna de se lhe tirar o chapéu. Não espero viver o suficiente para ver outra igual.

Eu já tinha aqui escrito que aquela equipa que jogou contra o Guimarães estava "au point" e ainda bem que o treinador a decidiu manter na íntegra. Qualquer troca que fizesse sairia asneira, pois aqueles 11 são os melhores, todos os outros são suplentes. Parece que vai ser no dia 20 de Outubro que vamos enfrentar o Bayern de Munique e aí é que vão ser elas. Se o Benfica se aguentar com um empatezinho e aproveitando a fraca maré do Barcelona, talvez possamos começar a sonhar com o apuramento. Passar à fase do mata-mata num grupo destes seria uma grande vitória e depois tudo dependeria do adversário que nos calhasse em sorte.

E por aqui me fico, não quero acrescentar mais nada para não dizer asneira. Só espero que o JJ não se afogue na soberba que por certo o acometerá e mantenha a cabeça fria para o que aí vem. Nem o Benfica foi sempre mau, antes deste jogo, nem vai ser sempre bom, depois dele. Cabeça fria, pois neste mundo tudo é relativo e no futebol muito mais!

Quem manda é o Sheriff !!!

 


Este é o lugar onde o Real Madrid vai ter que jogar daqui a uns dias. Em Madrid perdeu e aqui pode perder outra vez! Acredito que tão cedo não se vão esquecer do jogo de ontem!