quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Os juros!

Quem paga juros numa situação de inflação, acaba sempre por ficar a ganhar. O contrário acontece, quando vivemos numa situação de deflação que é o nosso caso presente. Não é, portanto, de admirar que os juros da dívida pública tenham crescido mais que aquilo que o governo esperava. Se esperava outra coisa é porque anda distraído, diria eu. E isso não é bom sinal para os zés-pagantes, entre os quais me incluo.


Vejo o Teixeira dos Santos a coçar a cabeça. Talvez porque reconheça que vivemos uma situação financeira da qual não vai ser fácil sair. E até é capaz de ter razão, com um governo socialista em funções, um orçamento (eleitoralista) que tem que estar pronto em menos de 30 dias, as perspectivas não são nada animadoras. O mais provável é que continuemos a escorregar pela ladeira abaixo.


Não me lembro de o ter visto a coçar na cabeça, quando era ministro das finanças do governo de Sócrates e o deixou afundar o país na desgraça que todos conhecemos. Nessa altura é que devia ter dado um murro na mesa e fazer parar a loucura do Zé. Talvez ainda tivesse ido a tempo de evitar a falência do BPN.
Agora é tarde, não acredito numa palavra que lhe sai pela boca fora!

Até tu ...!

Até tu, Brutus, disse Júlio César, enquanto morria apunhalado no Senado Romano!
Lembrei-me destas palavras ao ler que também os bancos portugueses se vão meter na alhada de criar uma moeda virtual para resolver um problema que eles próprios criaram, para mal dos nossos pecados, o câmbio.

Faltam 45 dias para entrar em circulação!

Suponho que a BITCOIN, quando foi lançada, valia um dólar. e depois ultrapassou os 20 mil dólares. Agora vale cerca de 6.350 dólares. Quem ficou a ganhar com a especulação? E quem viu o seu dinheirinho ir pela sarjeta abaixo? Muita gente, acho eu. É assim que funciona este mundo cão.
E quem o regula? Quer saber alguma coisa a esse respeito? Não, claro que não, quanto mais rebaldadaria ... maior é a expectativa de lucro. Então, porque embarca o povo nessa loucura? Tentando ser mais esperto que os espertos e lucrando com isso. O azar é que, na maior parte das vezes, espeta-se e fica a perder. O gajo que faz andar o carrocel sabe o momento justo em que deve saltar fora para não bater com o focinho no chão. Mas só ele sabe e não conta a ninguém.
Por isso meus amigos, deixem-se de Bitcoins ou Bestkoins, guardem o vosso dinheiro em notas de euro que, por enquanto, são garantidas pelo BCE. 

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Perdido!


Não se admirem de eu aparecer pouco por aqui, ando perdido pelo Facebook. Mas não deve demorar muito a mudar de ares, de novo. É que isto de criar grupos e ficar como administrador dá muito trabalho. Só para mandar parabéns no dia dos aniversários já é tarefa de respeito. Depois é preciso responder às perguntas que nos fazem e deixar uns likes aqui e ali.
O grupo dos Nyanjas já vai em velocidade de cruzeiro, mas ainda me dá algum trabalho. O grupo de familiares que criei a pedido de alguns primos - que são tantos que nem se conhecem uns aos outros - é que ainda está a começar e dá-me mais trabalho. Mas em breve terminará a montagem e depois é só marcar a reunião anual e publicar as fotos dos encontros realizados.
Depois volto ao vosso convívio!

sábado, 15 de setembro de 2018

Quem gostar que coma!

Eu não gostei. A meio da semana que aí vem, teremos que haver-nos com o Bayern, o tal, o poderoso, aquele que assusta meio mundo e então é que vão ser elas. A jogar como jogou hoje com o Rio Ave, o Benfica vai levar que contar.


Os destaques do jogo de hoje, para além da vitória conseguida, são o golo marcado por Rafa, pelo lado positivo, e a vergonha de jogo, pelo lado negativo, do Samaris. Os rapazes do Rio Ave esforçaram-se ao máximo, tiveram alguns pormenores de que gostei bastante e marcaram um belíssimo golo. O Svillar nem que tivesse asas lá chegaria.
Quando é assim, não há muito a dizer. Que se trata de uma prova secundária, ou que é preciso gerir o plantel por causa da Liga dos Campeões, não é o tipo de desculpa que me agrada. Os jogadores que o Benfica contrata devem estar todos a um nível muito próximo e não haver jogadores que são os melhores do nosso campeonato e outros que são piores que os do Rio Ave. Isso não pode ser, mas, no entanto, foi mais ou menos o que se viu em campo. Por vezes, o super-Gedson foi pior que os seus opositores vilacondenses.
Por isso, não comi, deixei na borda do prato!

Não ganhei nada!

Aliás, já é costume!
Posso comprar todo tipo de rifas e sorteios que não maneira de acertar uma. Imagino que todos dizem o mesmo, mas no meu caso é mesmo verdade, nunca ganhei uma caixa de fósforos!

Sorteio da APVG, a roda andou no passado dia 4. Quem ganhou que vá a Braga reclamar o prémio. A mim saíram-me 20€ ... do bolso!

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Ah, grande espantalho!

Bem à frente dos meus olhos
Tenho um belo espantalho
Toma-me conta da figueira
Corre com bandos de melros
Manda-os a todos pró ***
Essa não digo que é asneira
E assim tenho figos aos molhos
Tantos que nem os consigo comer
Como os que posso e que quero
E mais não vos posso dizer!

P.S - Trabalha 24 horas por dia
não ganha ordenado
não tem segurança social
e nem direito à reforma
foi um verdadeiro achado !

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Ah, mulheres!


Que me fazeis ferver o sangue nas veias!
Vocês sabem quem são estas belezas?
Concentrem-se nisso que eu já volto!

terça-feira, 11 de setembro de 2018

Mais um que já era!


Sempre com o telemóvel na mão, quem precisa de relógio?
Imagino que a indústria de relojoaria deve estar a ver-se à nora com esta realidade. Um bom relógio é caro e a juventude prefere investir nos telelés que, além das horas lhes dão muitas outras coisas, o céu é o limite.
Quando estou a ler as notícias e me saltam anúncios, à frente dos olhos, a recomendar a compra de relógios - e alguns bem caros, como este que vêem na imagem que ultrapassa os 1.500€ - começo a pensar que bem difícil deve estar a vida dos relojoeiros suíços que, no passado, viviam à grande e à francesa.
De mim não levam nada, desde que me reformei que não tenho horas para nada, vivo de apetites. Faço o que me apetece, à hora que me apetece e ... o resto são cantigas!

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

O meu ... é melhor que o teu!

Refiro-me ao meu espantalho, claro!
Há quem diga que os espantalhos já deram o que tinham a dar, que não são eficazes, que é melhor utilizar materiais brilhantes que projectem os reflexos do sol em todas as direcções, etc.. Velhos CD's de músicas que já ninguém quer ouvir, ou que estão riscados de tanto girar a reproduzi-las, são uma das opções mais badaladas por aqui. Eu já experimentei e não fiquei satisfeito com o resultado, prefiro, de longe, o meu velho espantalho.


Feito à pressa, sem pescoço e sem piada nenhuma, a verdade é que não há um único estorninho que entre nos limites do meu quintal. Vêem-no, ao longe, e mudam logo o seu plano de voo.


Às primeiras horas da manhã, era vê-los chegar, todos esfomeados, e levarem-me os figos no papo sem o menor respeito. Eu passava aqui o ano inteiro a rezar para eles amadurecerem e eles, mal os apanhavam inchados e, para mim, incomestíveis, vinham em bandos e depenicavam até só restar o pezinho.
A seguir aos meus figos iam os diospiros da minha vizinha aqui do lado e só depois partiam para outras paragens, até ao próximo mês de Junho, data em que apareciam á procura dos figos de S. João.
Quando não há figos nem diospiros que raio comem eles, pergunto-me eu?
Se morressem todos de fome era um alívio para mim, escusava de todos os anos ter que trepar á figueira para montar o dito!

domingo, 9 de setembro de 2018

Os «Casacas Vermelhas»!

Alguém me explica o porquê das casacas vermelhas que estes senhores envergam, como se fosse o uniforme de uma religião qualquer?


Lembro-me que o Hugo Chavez usava uma igual e mergulhou o seu país numa desgraça infernal. O seu afilhado e seguidor, Nicolas Maduro, usa-a também e meteu-se num buraco, donde só sairá com um tiro na caixa dos pirolitos. Digo isto, porque depois do que ele tem feito, nos poucos anos em que está à frente do regime, na Venezuela, não haverá quem lhe perdoe e poupe a vida. Eu não perdoaria.
Em Angola, a situação não é dramática, mas se os angolanos decidirem pedir contas pelos 43 anos já decorridos, depois da descolonização, e pela miséria em que mergulharam o país, além da guerra civil e dos muitos milhares de mortos por ela provocados, não sei que destino levarão os casacas-vermelhas. Não merecem muito melhor que o Nicolas Maduro!

sábado, 8 de setembro de 2018

My way!

O Frank Sinatra cantava uma música que ficou famosa e perdurará no tempo durante muitos anos, depois de ele ter desaparecido. Essa música chama-se "My way" que em portugu~es significa "à minha maneira". Creio que não há, entre gente da nossa idade, quem não conheça esta música.


Hoje, encontrei esta foto do Donald Trump a ilustrar uma qualquer notícia e lembrei-me desta música, pois o presidente americano também faz tudo à sua maneira e quer que o resto do mundo se vá f****. É um privilégio de quem nasceu rico, nada em dinheiro e não precisa da ajuda de ninguém para levar a vida.
O trejeito da sua boca parece estar a pronunciar a palavra FUCK YOU e o dedo indicador levantado quer dizer que ainda lhe resta um pingo de vergonha, senão teria levantado o do meio!

quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Vamos à feira?

Quinta-feira é dia de feira na minha terra.
Gosto (ou gostava, visto que agora é raro fazê-lo) de ir até lá e passear-me por entre as barracas dos feirantes. Não os que vendem roupa que isso só interessa ás mulheres e só por castigo me deixo para lá arrastar. Mas todos os outros, desde os que vendem azeitonas e bacalhau, passando pelos enchidos, pão, fruta e bolos, até aos que arrastam para a feira os produtos da terra, prontos a usar, a comer e a plantar. Vende-se e compra-se tudo, ferramentas e alfaias, flores e árvores de fruto, pintos, frangos, galinhas, patos e perus. E como não podia deixar de ser, fazem-se engates, arranjam-se namoradas e combinam-se casamentos. No campo dos touros (era este o antigo nome do espaço onde hoje se faz a feira semanal) acontece tudo. E tudo isso me enche de satisfação.







O Facebook faz-me lembrar esta feira da minha terra. Vê-se lá de tudo um pouco, coisas boas e bonitas e coisas feias que bem podiam deixar de aparecer por lá. Mas isso já depende das pessoas que por lá andam e algumas nem o nome de pessoas merecem. O Facebook, assim como a internet em geral, é o repositório de muita coisa boa, mas também é uma enorme lixeira, onde despejam todo o tipo de merda que não serve para nada nem para ninguém.
Também aí se arranjam namoros e casamentos, mas nada que se compare àquilo que se passa na feira da minha terra, é tudo muito virtual e impessoal, faz-me lembrar os lenços de papel que se usam e deitam fora de seguida.
Olhem bem para as fotografias que vos deixei acima e digam-me se não tenho razão.

quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Futebolices!


O Benfica, o Vieira e o Paulo Gonçalves, entre outros, estão hoje a contas com a Justiça e eu, por mais vermelho que seja, só quero é que a Justiça prevaleça. Se alguém fez asneira que pague, mas não entendo que as instituições tenham que pagar também pelos erros dos seus dirigentes.
É o Vieira o culpado? Que pague o Vieira.
É o Paulo Gonçalves culpado? Que pague ele as suas culpas e deixem o Benfica em paz.
Condenar o Benfica a ficar fora das competições durante 3 anos? Não me façam rir, não vejo um juíz, seja ele doente da bola ou não, a ir por esse caminho. O Benfica é uma IUP (Instituição de Utilidade Pública) e qualquer sentença condenatória recairia sobre o público em geral e isso não pode ser.
Se fosse eu o Juíz condenava os presidentes dos 3 grandes e os respectivos directores de informação, a uma pena severa, pois foram eles os responsáveis verdadeiros pela onda anti-desportiva que foi criada durante a última época.
E quando digo severa, quero dizer mesmo severa. Qualquer coisa como a proibição de tocarem em assuntos de futebol, em público, assim como de exercerem qualquer cargo, remunerado ou não, em qualquer clube de futebol profissional, durante meia dúzia de anos.
Tenho dito!

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

A política e os políticos!

A vida em harmonia só pode ser benéfica para os povos. Há cerca de mil anos, os diversos povos existentes na Europa lutavam entre si, disputando entre si os melhores terrenos para a agricultura e caça. Outros havia que pretendiam apenas pilhar e fazer escravos para seu uso ou venda. Mas esses tempos vão longe, hoje a Europa está condenada, pelas leis internacionais, a viver em paz e satisfazer-se com aquilo que tem ou é capaz de produzir dentro das suas fronteiras. Há países mais ricos e outros mais pobres, mas isso já não está em discussão, ficou definido nas últimas guerras do Século XIX e é impensável reverter essa situação. O Hitler ainda tentou, mas vejam no que essa tentativa deu.
Vem esta conversa a respeito do Brexit, a malfadada encrenca em que os súbditos de Sua Majestade a Rainha Isabel II se meteram, enganados por alguns políticos que hão-de ficar na História pelos piores motivos. Pensando mais em si que no bem-estar do seu povo, esses políticos (um deles Nigel Farage que vêem na imagem aqui ao lado)  desencadearam um processo que só pode ser prejudicial para os britânicos, em primeiro lugar, e para todos os europeus, em geral. E o porquê dessa situação é bem fácil de perceber, não há melhor solução de que viver em harmonia, ou seja, encontrar o caminho que seja mais vantajoso para as duas partes.
A fronteira entre a República da Irlanda e a Irlanda do Norte que é um dos quatro países que formam o Reino Unido, assim como o uso de duas moedas diferentes, vai ser um dos maiores desafios para os políticos que se meteram nesta embrulhada. Além das quezílias religiosas que já os separam, acresce agora a implementação de todo o tipo de barreiras entre os dois países, a começar pelas alfandegárias. Se o assunto for levado até às últimas consequências, será uma grande dor de cabeça para toda a gente.
Teimosos e arrogantes como eles são, temo que voltar atrás no Brexit seja a última coisa em que estão a pensar agora, mas o tempo urge e só têm mais 6 meses para pensar nisso. Seria bom para todos que fossem capazes de dar esse passo e acabar com a situação criada e que já custou uns bons milhões (mal gastos) a uns e outros. Os muitos portugueses que foram até lá procurar trabalho que aqui não tinham ou era muito mal pago, seriam os primeiros a ficar felizes da vida.

domingo, 2 de setembro de 2018

E o Ferreyra?

O Ferreyra, coitado, falhou aquele penalty e passou à história. Já ninguém lhe sente a falta, outros artistas apareceram, marcam os golos que fazem as vitórias de que o Benfica precisa para não ficar para trás nesta corrida que dura até Maio do próximo ano. É assim a vida, uns passam para a frente e outros ficam para trás e depressa são esquecidos. Quem ficou a ganhar foi o "Esferovite" que tomou o seu lugar, não desiludiu e conseguiu até marcar um golo. De dispensável passou a herói.
Hoje, até o Rafa, o jogador proscrito que ninguém percebe como foi parar ao Benfica a troco de 16 milhões de euros (que segredos terá o Salvador e o Vieira que valem tanto dinheiro), marcou um golo e engordou a vitória que já estava garantida a poucos minutos do fim.
O Fejsa levou um toque nas canetas e queira Deus que não vá também para o estaleiro fazer companhia aos muitos que já lá estão. Para o lugar dele entrou o Alfa, de quem os comentadores dizem maravilhas, mas que ainda não provou o valor que tem. O tempo que é um grande mestre nos dirá se é conversa de interesseiros, ou o rapaz vale o que pesa em ouro.
O Odisseyas (tenho que me habituar a este nome, pois é assim que ele quer que o tratem) fez um par de defesas que fez os adeptos arregalar os olhos de admiração e encher o coração de esperança que ele venha a ser ainda melhor que os seus antecessores que tantas saudades deixaram na Catedral da Luz. O Sálvio brilhou em todo o seu esplendor, o Cervi voltou a ser aquela formiguinha trabalhadora a que já estamos habituados e o Pizzi não deixou os seus créditos por mãos alheias.
E assim chegamos ao fim da 4ª jornada com 10 pontos, os mesmos que o Sporting e o Braga, mas em primeiro lugar, graças aos 4 golos que hoje marcámos. E siga o baile!
Força Benfica!!!

Pobre CR7!


Depois de mais uma jornada da Liga Italiana e com o nosso "melhor do mundo" sem conseguir fazer sair o ketchup do malfadado frasco, já os adeptos do contra começam a ironizar que ele serve apenas para vender camisolas. Eu queria ver outro da mesma idade e nas mesmas condições fazer melhor que ele. Compará-lo com jovens, pagos a bom preço, não me parece justo. Como dizia aquele cromo que bem conhecemos, as contas só se fazem no fim e é melhor esperarmos para ver.
Estive a dar uma vista de olhos pela imprensa transalpina e, entre muitas bocas contra e a favor, encontrei isto que vos deixo aqui e que, mesmo em italiano, é fácil perceber. Quem quiser saber o detalhe pode sempre recorrer ao tradutor Google que não deve ter dificuldade em pôr isto em português que se entenda.
»»»
TORINO - Cristiano Ronaldo non ha fatto una figura proprio impeccabile snobbando la premiazione di Monte Carlo, tuttavia non è stato un trionfo neppure per l’Uefa che, dopo aver assegnato un premio sostanzialmente immeritato a Luka Modric, si arrampica spericolata sugli specchi per giustificarlo. A fronte di un CR7 nettamente migliore del croato in Champions League, infatti, viene incluso il Mondiale nelle competizioni in cui guadagnare consensi. E così, il premio intitolato “Miglior giocatore Uefa” viene assegnato sulla base di una competizione Fifa. In passato si era sempre tenuto conto delle competizioni strettamente europee e in particolare della Champions, forse il più prestigioso dei tornei Uefa. E se il criterio fosse stato quello, Ronaldo era stato oggettivamente più determinante del compagno: date 12 partite giocate da CR7 e 11 da Modric; il primo ha segnato 15 gol, il secondo 1; il primo ha firmato 3 assist, il secondo 1; il primo è stato valutato per 4 volte il migliore in campo, il secondo zero. E se non bastassero i numeri, pensate ai momenti emozionanti o cruciali della scorsa Champions, partendo dall’ormai iconica rovesciata all’Allianz Stadium, premiata come più bel gol della stagione, o del rigore al 93’ nella gara di ritorno contro la Juventus: quando CR7 ha inventato l’azione conclusasi con il fischio del penalty e ha avuto i nervi d’acciaio per batterlo in maniera mostruosa. In quel momento, Modric era in panchina, dopo essere stato surclassato da Khedira e Matuidi.
«««
Isto tem a ver com o prémio que foi entregue a Luca Modric, por influ~encia da FIFA e do Real Madrid que, como sempre, mexem os cordelinhos a seu bel-prazer. Os números aqui apresentados pelo jornalista do TuttoSport não deixam qualquer dúvida a respeito de quem deveria ser o vencedor do prémio. E nós, como conterrâneos e admiradores do craque, não poderíamos estar mais de acordo. E por isso nos manifestamos, pois quem não se sente, não é filho de boa gente!

sexta-feira, 31 de agosto de 2018

A hora da verdade!


Esquecendo, por enquanto, o cabrito (que não faltarão ocasiões de lhe meter o dente), vamos pensar um pouco no Glorioso SLB, cujo futuro está longe de estar decidido. Até à meia-noite de hoje, podem ainda sair ou entrar vários jogadores no plantel.
Espero que o presidente Vieira tenha a cabeça no lugar e a deusa da sorte o acompanhe nas decisões que tomar. Temos faltas gritantes no plantel e uma série de "mancos" que seria preciso despachar. Faltam menos de 8 horas, o que é pouco para tanto trabalho. Fico sempre a pensar porque será que deixam estas coisas para a última hora. O que aconteceu com o Adrien, no ano passado, foi paradigmático, por 14 segundos foi recusada a sua inscrição.
Dos lesionados, a começar pelo Jonas, nem quero falar, há coisas que não entendo. Fazer exames médicos aos novos contratados e vê-los lesionar-se no dia seguinte, dá que pensar. Quem faz os exames, sabe o que está a fazer, ou será que são mais azarados que eu? Outra coisa que me custa a engolir, é a renovação do Jonas. Se ele está mesmo mal das costas como se diz, não seria altura de pendurar as chuteiras. Oferecer-lhe dois milhões e meio para ficar a coçar o cu no banco, até maio de 2019, parece-me pouco sensato.
Logo, depois da meia noite, volto a passar por aqui e acrescentar alguma informação que valha a pena. Vinte ou trinta milhões, por 4 ou 5 jogadores de segundo nível que o Rui Vitória não pensa em utilizar, seriam bem vindos para reforçar as finanças do clube e aligeirar a folha de salários.
------------------------------------------
Encerrou o mercado. A única notícia sobre o Benfica é a inclusão do Taarabt no plantel. Parece que a passagem por Itália o fez ganhar juízo e ... perder alguns kilos!


Aí está ele!
Já tínhamos médios a mais, aí está mais outro!

Pois é!



Vamos falar de comer e beber ...
... que o resto já não faz sentido!

Alguém sabe onde servem um cabritinho bem cozinhado...
... na zona do Porto?

Ando cá com uns apetites!

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

Tá feito!

Agora vou dormir uma soneca e sonhar que somos campeões

Já é tarde e não perder-me em considerações sobre o jogo de hoje (ontem).
Fiquei abismado por Rui Vitória ter tirado o Ferreyra e metido o "Esferovite" no ataque. Por acaso correu tudo bem, metemos 4 golos e eliminamos os gregos, mas se acontecesse uma desgraça não sei como se desculparia ele.
O Franco Cervi, jogador que eu aprecio, foi o motor da equipa e, sem a menor dúvida, o homem do jogo. E o homem das luvas, o Odisseyas, fez uma defesa de se lhe tirar o chapéu, já vejo os tubarões do futebol a olhar para ele e a cobiçá-lo, enquanto que o Vieira sonha em multiplicar por 10 ou 20 o dinheiro que deu por ele.
Já amealhamos uns trocos e talvez venham mais alguns na fase de grupos da champions, mas o real objectivo da nossa equipa tem que ser o campeonato. Queremos ser de novo campeões e relegar os rapazes do Sérgio para o 2º ou 3º lugar. O resto é só para "palerma ver".
Força Benfica!

terça-feira, 28 de agosto de 2018

Uma dupla de respeito!

Não entendo porquê (ou se calhar entendo bem demais), quando as pessoas começam a dar certo nos seus empregos, logo querem correr com elas.
O Papa Francisco, um santo aos olhos de meio mundo, está em risco de perder o emprego por culpa de uma cambada de criminosos, paneleiros e pedófilos que não admitem que lhes estraguem a panelinha. Anos e anos a fazer asneiras (cometer crimes hediondos) à sombra da Igreja e quando o Papa, que todos têm como bom, pede desculpa aos "abusados" - que mais podia ele fazer? - preparam-se para correr com ele. Mas que mundo-cão em que vivemos!
A Joana Marques Vidal, única Procuradora Geral que tentou pôr ordem na casa, tem o seu lugar em risco e talvez venha a ser substituída, em breve, por algum CORRUPTO que se dê bem com os socialistas que estão no governo. Não me lembro de outro Procurador Geral, desde o 25 de Abril, que tenha tentado meter a JUSTIÇA na ordem, como esta senhora o tem feito, desde que substituiu aquele amigo do Sócrates que foi ao aeroporto de Lisboa para autografar o tal livro que o outro nunca escreveu. Na minha opinião tem cumprido o papel que lhe foi distribuído e por isso querem pô-la na rua. Pobre país o meu.